II Timóteo

Postado por Fifa Carmona | Marcadores: | Posted On sábado, 17 de julho de 2010 at 22:24


Paulo, apóstolo do Cristo Jesus pela vontade de Deus, segundo a promessa da vida que há no Cristo Jesus,
a Timóteo, meu querido filho: graça, misericórdia e paz, da parte de Deus Pai e do Cristo Jesus, nosso Senhor!
Dou graças a Deus — a quem sirvo com a consciência pura como aprendi de meus pais —, quando sem cessar, noite e dia, faço menção de ti em minhas orações.
Lembrando-me de tuas lágrimas, sinto grande desejo de rever-te e, assim, encher-me de alegria.
Recordo-me também da fé sincera que há em ti, fé que habitou, primeiro, em tua avó Loide e em tua mãe Eunice, e que certamente habita também em ti.
Por isso, quero exortar-te a reavivar o carisma que Deus te concedeu pela imposição de minhas mãos.
Pois Deus não nos deu um espírito de covardia, mas de força, de amor e de moderação.
Portanto, não te envergonhes de testemunhar a favor de nosso Senhor, nem te envergonhes de mim, seu prisioneiro; mas, sustentado pela força de Deus, sofre comigo pelo evangelho.
Deus nos salvou e nos chamou com uma vocação santa, não em atenção às nossas obras, mas por causa do seu plano salvífico e da sua graça, que nos foi dada no Cristo Jesus antes de todos os tempos.
Esta graça foi agora manifestada pela aparição de nosso Salvador, Cristo Jesus, o qual destruiu a morte e fez brilhar a vida e a imortalidade por meio do evangelho,  do qual fui constituído pregador, apóstolo e mestre.
É por isso que estou suportando também os presentes sofrimentos, mas não me envergonho. Pois sei em quem acreditei, e estou certo de que ele é poderoso para guardar até aquele dia o bem a mim confiado.
Toma como norma as palavras salutares que de mim ouviste na fé e no amor do Cristo Jesus.
Guarda o precioso bem a ti confiado com a ajuda do Espírito Santo que habita em nós.
Sabes que me abandonaram todos os da Ásia, entre os quais Figelo e Hermógenes.
O Senhor faça misericórdia à família de Onesíforo, porque muitas vezes me confortou e não teve vergonha das minhas correntes.
Pelo contrário, tendo chegado a Roma, procurou-me diligentemente até me encontrar.
O Senhor lhe conceda alcançar misericórdia da parte do Senhor, naquele dia. E quantos serviços ele me prestou em Éfeso, tu sabes melhor que ninguém.

Comments:

There are 0 comentários for II Timóteo