Amós, 3, 1-15

Postado por Fifa | Marcadores: | Posted On quinta-feira, 8 de julho de 2010 at 21:19

Escutai o oráculo que o SENHOR pronuncia contra vós, filhos de Israel, contra todas as tribos que fiz subir da terra do Egito:
“De todas as famílias do mundo, vós fostes a única que eu quis conhecer, por isso mesmo venho cobrar todos os vossos pecados.
Duas pessoas andam juntas, sem terem antes combinado?
Será que na floresta o leão ruge, sem ter uma presa para atacar? Grita o filhote de leão lá na toca, sem ter o que pegar?
Será que o pássaro cai no chão, sem o laço da armadilha? Vai o laço para o ar, sem pegar coisa alguma?
Quando tocam a trombeta na cidade, o povo não se assusta? Vem uma desgraça à cidade, não foi Deus quem mandou?
O SENHOR não faz coisa alguma sem revelar seus planos aos profetas, seus servos.
Ruge o leão, quem não fica com medo? Se o SENHOR Deus fala, quem agüenta não ser profeta?
Mandai recado aos palácios da Assíria e aos palácios da terra do Egito, dizei que se reúnam no planalto de Samaria, para ver quanta desordem, quanta exploração dentro dela.
Não sabem viver com honestidade, — oráculo do SENHOR —; com extorsão e exploração acumulam riquezas em suas casas”.
Por isso, assim diz o Senhor DEUS: “Os inimigos farão o cerco ao teu país, tua segurança cairá de vez e teus palácios serão todos saqueados”.
Assim diz o SENHOR: “Como o pastor salva da boca do leão duas patas e um pedaço de orelha, assim ficarão a salvo alguns de Israel, cidadãos de Samaria, na ponta de uma cama ou no damasco de um sofá”.
Escutai e levai a notícia à casa de Jacó, — oráculo do SENHOR, Deus dos exércitos —:
No dia de cobrar os pecados de Israel, eu olharei para os altares de Betel: as pontas dos altares serão quebradas e por terra cairão.
Derrubarei a casa de inverno por cima da casa de verão. Serão destruídas as casas de marfim, as casas de ébano desaparecerão — oráculo do SENHOR.



Atos 5, 17-32

Postado por Fifa | Marcadores: | Posted On at 21:06

O sumo sacerdote e todos os seus partidários  encheram-se de raiva, mandaram prender os apóstolos e lançá-los na cadeia pública.
Durante a noite, porém, o anjo do Senhor abriu as portas da prisão e os fez sair, dizendo:
“Apresentai-vos no templo e anunciai ao povo toda a mensagem a respeito desta Vida”.
Eles obedeceram e, ao amanhecer, entraram no templo e começaram a ensinar. O sumo sacerdote chegou com os seus partidários e convocou o Sinédrio e o conselho de anciãos dos israelitas. Então mandaram buscar os apóstolos na prisão.
Mas, ao chegarem à prisão, os servos não os encontraram e voltaram, dizendo:
“Encontramos a prisão fechada, com toda a segurança, e os guardas a postos, na frente da porta. Mas, quando abrimos a porta, não encontramos ninguém lá dentro”.
Ao ouvirem essa notícia, o comandante da guarda do templo e os sumos sacerdotes não sabiam o que pensar, e perguntavam-se o que poderia ter acontecido.
Chegou alguém que lhes comunicou: “Os homens que metestes na prisão estão no templo ensinando o povo!”
Então o comandante saiu com os guardas e trouxe os apóstolos, mas sem violência, pois tinham medo de que o povo os atacasse com pedras.
Levaram os apóstolos e os apresentaram ao Sinédrio. O sumo sacerdote começou a interrogá-los:
“Não vos proibimos expressamente de ensinar nesse nome? Apesar disso, enchestes a cidade de Jerusalém com a vossa doutrina. E ainda quereis nos responsabilizar pela morte desse homem!”
Então Pedro e os outros apóstolos responderam: “É preciso obedecer a Deus antes que aos homens.
O Deus de nossos pais suscitou Jesus, a quem vós matastes, pregando-o numa cruz.
Deus, porém, por seu poder, o exaltou, tornando-o Líder e Salvador, para propiciar a Israel a conversão e o perdão dos seus pecados.
E disso somos testemunhas, nós e o Espírito Santo, que Deus concedeu àqueles que lhe obedecem”.

Isaías 53, 1-12

Postado por Fifa | Marcadores: | Posted On at 20:49

Quem vai acreditar na notícia que trazemos? A quem relatar o poder do Senhor?
Crescia diante dele como um broto, qual raiz que nasce da terra seca: Não fazia vista, nem tinha beleza a atrair o olhar, não tinha aparência que agradasse.
Era o mais desprezado e abandonado de todos, homem do sofrimento, experimentado na dor, indivíduo de quem a gente desvia o olhar, repelente, dele nem tomamos conhecimento.
Eram na verdade os nossos sofrimentos que ele carregava, eram as nossas dores, que levava às costas. E a gente achava que ele era um castigado, alguém por Deus ferido e massacrado.
Mas estava sendo traspassado por causa de nossas rebeldias, estava sendo esmagado por nossos pecados. O castigo que teríamos pagar caiu sobre ele, com os seus ferimentos veio a cura para nós.
Como ovelhas estávamos todos perdidos, cada qual ia em frente por seu caminho. Foi então que o SENHOR fez cair sobre ele o peso dos pecados de todos nós.”
Oprimido, ele se rebaixou, nem abriu a boca! Como cordeiro levado ao matadouro ou ovelha diante do tosquiador, ele ficou calado, sem abrir a boca.
Sem ordem de prisão e sem sentença, foi detido, e quem se preocupou com a vida dele? Foi arrancado da terra dos vivos, ferido de morte pelas rebeldias do meu povo.
Sua sepultura foi colocada junto à dos criminosos, seu túmulo ao lado da tumba dos ricos. Mas ele jamais cometeu injustiça, mentira nunca esteve em sua boca.
Que o sofrimento o esmagasse era projeto do SENHOR. Se, então, entregar a sua vida em reparação pelos pecados, ele há de ver seus descendentes, prolongará sua existência, e por ele a bom termo chegará o projeto do SENHOR.
Em virtude de seus trabalhos ele há de ver e ficará realizado. Com a sua experiência, o meu servo, o justo, fará que a multidão se torne justa pois ele mesmo estará carregando o peso dos pecados dela.
Por isso vou partilhar com ele as multidões, como conquista, ele recolherá os fortes, pois entregou à morte a própria vida, foi contado entre os criminosos. Ele, porém, estava carregando os pecados da multidão e intercedendo pelos criminosos.




Passagem Biblica

Postado por Fifa | Marcadores: | Posted On at 20:34

EU TE ESCOLHI POR PASTOR

Escolheu Davi, seu servo, tirou-o do aprisco das ovelhas; tirou-o do ofício de pastor para apascentar Jacó, seu povo, e Israel, sua herança.
Ele os apascentou com um coração honesto, e os conduziu com mão sábia.

Davi cuidava com muita atenção das ovelhas prenhes, na época dos nascimentos dos filhotes, porque ele as amava. É porque ele tomava sinceramente a peito os sofrimentos dos animais dos campos que ele foi separado dos seus irmãos e tornou-se grande aos meus olhos.
Quando eu tiro alguém da multidão para eleva-lo é porque ele possui as mesmas qualidades do coração de Davi. Preciso, nestes últimos tempos, de muitos pastores, homens e mulheres, que eu possa escolher, como um dia fiz com Davi, para serem os servidores e servidoras que alimentarão meu povo. São poucos os que se preocupam com os outros, são poucos os que vivem para os outros, são poucos aqueles que colocam os outros antes de si. Havia muitos pastores jovens em Israel no tempo de Davi, mais escolhi o filho de Isaí porque ele tinha muito carinho com as ovelhas que amamentavam. Ele se parecia comigo, pois Isáias diz a mim: Qual o pastor que cuida com carinho do rebanho, nos braços apanha os cordeirinhos, para leva-los ao colo, e à mãe ovelha vai tangendo com cuidado.
Eu sou o bom pastor. Se queres ser grande em meu reino, deves ter um coração de pastor. Não podes ficar indiferente as necessidades das minhas ovelhas. Também não podes usar as tuas ovelhas em teu proveito, cobiçando bens, ou tosá-las para angariar riquezas pessoais. Jamais permitas que as ovelhas que te dou sejam exploradas por gente inescrupulosa que roubam das viúvas para viverem no luxo. E nunca te tornes culpado de tal falta.
Lembra-te que Davi apascentou Israel com um coração íntegro. Cuida que as motivações de ter coração sejam sempre puras. Não permitas que o fardo a ti confiado, a compaixão pelos perdidos, te tornem insensível aos cordeirinhos.
Davi conduzia Israel com inteligência porque tinha um coração de pastor. Ele conhecia o coração das ovelhas e velava sobre os homens e mulheres de seu reino como se tratasse de ovelhas de seus campos.
As ovelhas são animais desprovidos de raciocínio. Elas cometem erro grosseiros. Elas facilmente se distanciam do rebanho e não têm nenhuma consciência do perigo. Basta uma moita verdejante para desviá-las. Pouco importa os lobos que espreitam por perto, elas correm para o perigo.
Meu povo se assemelha a essas ovelhas errantes que seguem seus próprios caminhos. Se tens um coração de pastor, amarás essas ovelhas tresmalhadas e tomarás cuidado delas. Cuidarás sempre delas. Chora sobre a sorte das ovelhas perdidas. Ora por elas, traze-as de volta ao rebanho. Não abandones aos lobos. Livra-as da boca do leão, mesmo que somente possas salvar duas patas e um pedaço de orelha.
Eu sou Pastor de Israel, que hoje sigas o meu exemplo. 

Passagem Biblica

Postado por Fifa | Marcadores: | Posted On at 10:48

OUÇO O GRITO DO PRISIONEIRO



Chegue a tua presença o gemido dos prisioneiros;
com o poder do teu braço salva os condenados à morte

Ouço o menor suspiro. Quando um prisioneiro grita para mim, escuto com atenção, pois antes eu mesmo fui prisioneiro. Conheço a angústia, o terror, o desespero de um condenado à morte. Eu senti o sentimento provocado pelo Ódio e pela crueldade.
Que o condenado seja culpado ou inocente não faz nenhuma diferença a meus olhos. Ajudarei o culpado exausto pelos tormentos, o filho transviado, o pior de todos se ele clamar a mim, assim como ouvirei um filho meu preso nos campos da Sibéria, por amor do meu nome. Estou perto dos acusados, dos culpados, pois morri por eles também. Mas eles devem se apresentar diante de mim com seus problemas. Eles devem voltar para mim de todo coração.
Eu te chamo a amar os cativos, e a ter compaixão deles. Precisas sentir seus sofrimentos nem que for por um momento, a fim de compreendê-los. Para muito dentre eles, o único meio de escapar das torturas, das piores condenações, é optar pela morte.
Se aqueles que foram condenados à morte, por motivos justificados ou não, gritam a mim, e se eu vejo uma razão para prolongar sua existência, sim eu posso salvar aqueles que deveriam morrer.
Nunca desesperes. O veredito do homem é diferente do meu. Eu posso intervir e libertar um prisioneiro da prisão de máxima segurança. Não libertei eu Paulo, Silas e Pedro? Meus anjos abrem, ainda hoje, as portas das prisões.
Powered by beta.joggle.com